Guia Prático para o Competitivo: Parte 6

E aí, galera? Tudo certo? Já estão por dentro de boa parte do básico do competitivo, né? Calma que falta pouco para você sair montando seus times competitivos sem problemas!
Hoje falaremos sobre algo muito importante para montar seu time: os breeds.

Introdução:
O meio básico e principal para ter seu Pokémon perfeito (com 5 ou 6 IVs) é através do breed, que nada mais é que fazer filhotes. Os filhos terão a possibilidade de herdar os IVs dos pais, além da possibilidade dos IVs serem gerados de forma aleatória. Confira todos os segredos do breed:

"Esse não é o meu Pokémon, seu velhote!"
Como será que eles nunca entregam o Pokémon errado?

Breeds:
Todos os jogos após a segunda geração disponibilizam ao menos um Day Care. Lá, caso você deposite dois Pokémon que sejam do mesmo grupo (Egg Group) e de sexos diferentes (ou um Ditto e um Pokémon de qualquer sexo ou sem gênero), eles terão filhos e poderão herdar: IVs, ataques (egg moves) e até mesmo a Nature deles!

Para isso, você necessitará:
⋅ Pais com bons IVs: é meio redundante que você precisará de pais com bons IVs para ter filhos com bons IVs, né? Mas é isso mesmo. Caso você tenha um Ditto com 6 IVs perfeitos, poderá brincar bastante de fazer Pokémon competitivos.
⋅ Destiny Knot: nos jogos recentes o item ganha um novo efeito: irá dar ao Pokémon que nascerá do cruzamento, 5 IVs originados dos pais dele e um IV será aleatório. Ou seja, caso você cruze dois Pokémon com 6 IVs perfeitos, seus filhos herdarão 5 IVs perfeitos e um IV aleatório (podendo ser perfeito também). A escolha é aleatória. Os itens de poder mencionados anteriormente irão garantir que o IV do pai, cujo stat seja relacionado ao item, seja DE CERTEZA herdado no filho. Contudo, ele só irá garantir o stat que o item dá o boost.
⋅ Everstone: além de conseguir garantir herdar IVs, você pode garantir que o Pokémon que nasçerá do ovo tenha a mesma natureza que o pai ou a mãe; para isso, será necessário dar ao pai que tem a natureza desejada o item Everstone.
OBS: Um novo efeito que Everstone ganhou nessa nova geração é a capacidade de fazer que filhos de uma variação regional permaneçam naquela forma: Ou seja, se você transferiu um Vulpix dos jogos anteriores e deseja fazer cruzamentos para ter um Vulpix de fogo e não de gelo, basta dar a Everstone para o Vulpix de fogo, antes de deixá-lo no Day Care. O problema é que Pikachu, Cubone e Exeggcute não irão evoluir para as Kantonian Forms, mas permanecerão evoluindo para as Alolan Forms, uma vez que o item não controla a evolução do Pokémon.


Egg Groups:
Para que um filhote nasça, é necessário que os pais sejam compatíveis; mas como vocês já devem saber, isso não significa que eu preciso que os pais sejam da mesma espécie ou da mesma cadeia evolutiva. O jogo desenvolveu, desde a segunda geração, os "egg groups", que separam quais espécies podem fazer filhotes. Existem algumas regras:
1) Obviamente, é necessário um casal, ou que o seu Pokémon seja deixado com um Ditto.
2) Eles precisam ser do mesmo grupo.
3) Caso sejam de espécies diferentes, saiba que o filhote irá sempre ser da mesma espécie que a mãe, excluindo casos como Illumise e Volbeat, Nidoran ♂ ou ♀, ou Miltank e Tauros.
4) Alguns Pokémon pertencem a mais de um Egg Group, então nós podemos ver casos como um Wailord podendo fazer filhotes tanto com um Bruxish, quanto com um Skitty.
5) Caso o Pokémon não tenha gênero, como Starmie ou Porygon, ele só poderá ter filhotes com um Ditto. Você não será capaz nem de fazer, por exemplo, um Staryu, com dois Starmies.
6) Os lendários, os bebês e alguns Pokémon especiais como o Cosplay Pikachu, o Ash-Greninja  e as UBs, pertencem ao grupo Undiscovery, portanto, não podem breedar, nem com o Ditto. A única exceção é Phione e Manaphy, que só podem cruzar com o Ditto, para gerar um novo Phione, que são lendários, mas não estão no Egg Group Undiscovery.
7) Lembrando que seu Pokémon sempre nascerá no lvl 1, então ele necessitará de mais carinho e atenção ❤

Resultado do cruzamento de um Wailord e um Skitty. Só que não.


Egg Moves (Ataques de Ovos):
Confira em sites como Serebii e Bulbapedia para ver quais ataques podem ser ensinados aos filhos. Por exemplo, um Marill só aprenderá Aqua Jet, caso aprenda de um pai ou mãe que tenham em seu set o ataque em questão, antes de deixá-los no Day Care. Existem vários pais que podem aprender o ataque e são da mesma Egg Group que o Marill, como por exemplo Dewgong, Golduck ou Empoleon.
Há ainda, aqueles que necessitam de uma corrente de breed (Chain Breed) para aprender certo ataque. Ainda usando o exemplo do Marill, ele só poderá aprender Future Sign se, por exemplo, um filho de Delibird aprender com um Espeon via egg move; e então, esse Delibird com Future Sign cruzar com um Marill, para só então seu filho ter o ataque.
Outra exceção é quando um Pokémon só aprende algum ataque em um estágio evolutivo. O Marill pode aprender Aqua Jet via breed, enquanto o Azurill não consegue aprender, independente de seus pais; enquanto Azurill aprende Tickle e Marill não.


SHINY?!
Sim, o breed também te dá a possibilidade de conseguir um Pokémon Shiny. Como todo Pokémon tem uma chance de vir shiny, quando você faz uma corrente (enfrente ou rache o ovo de um mesmo Pokémon), você estará encontrando mais vezes aquele Pokémon, portanto, aumentando as chances de encontrá-lo com a sua variação de cor. Porém, ainda existe como aumentar suas chances de encontrar um Pokémon brilhante:
Shiny Charm: As chances de conseguir um Pokémon shiny normalmente são de uma para 8.192. Quando você tem o item em questão em sua bolsa, as chances triplicam, aumentando suas chances para 1/2.730,6. Para conseguir o item, você precisará ter completado a Alolan Dex, com exceção dos Pokémon Míticos, e mostrá-la para o diretor do jogo que está no prédio da Game Freak, na cidade de Heahea.
Método Masuda: O método alternativo principal, que aumenta suas chances através do breed. Para seguir este método, basta que você coloque dois Pokémon que possam cruzar, mas que sejam de regiões diferentes. Ou seja, se você adquiriu um Ditto 6IVs alemão numa troca, você poderá usá-lo nos seus Pokémon que são americanos (ingleses) e aumentar suas chances de vir Shiny, para 1/1.638,. Além disso, este efeito será cumulativo com o Shiny Charm, ou seja, juntando os dois métodos, você terá chances de 1/1024.
Outos métodos: Assim como o breed pode aumentar suas chances de conseguir um shiny, existem outros métodos que são bem eficientes, como: SOS Battle, fazer uma corrente durante a pesca ou reiniciando o jogo, para conseguir um inicial, um encontro fixo (que não seja Shiny Locked - ou seja, shiny bloqueado que não pode ser encontrado no jogo, sem eventos) ou no Poké Pelago.

Não se esqueça de cuidar bem dos seus ovinhos!

Este é o último post antes da gente te ensinar a montar o seu time, então fiquem ligados, revisem tudo direitinho que em breve você estará pronto para o competitivo da sétima geração!


Este artigo foi feito em colaboração com Luciano Ferreira.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será publicado após ser aprovado pela moderação.
Agradecemos a sua participação!