Especial de Halloween: Lavender Town


Oláá treinadores!

O post de hoje é especial! Devido ao Halloween, resolvi fazer esse post da cidade fantasma do mundo Pokémon, Lavender Town. Quem sabe, esse post pode ser o pontapé para uma nova série! 

Antes de começarmos as histórias relacionadas ao mundo Pokémon, vamos descobrir qual cidade do mundo real, Lavender foi inspirada.

A pacata cidade do mundo Pokémon foi inspirada na também pacata cidade de Narita, da província japonesa de Chiba. 


A cidade conta com 131.096 habitantes, com a densidade de 613 por km² (2016). O que move a cidade é o Aeroporto Internacional de Narita. O campo de aviação foi construído em 1962 para ajudar o Aeroporto Internacional de Tóquio a suportar a demanda de pessoas. O aeroporto começou a funcionar em 1978 como Novo Aeroporto de Tóquio.


Em 1986, o aeroporto passou por uma nova reforma, quando ganharia uma nova pista. A construção foi finalizada em 2002, a tempo para a Copa do Mundo de 2002. 

A história econômica da cidade sempre foi focada em agricultura, mas com abertura do aeroporto ela ganhou novas frentes. A rede hoteleira da cidade e das cidades vizinhas aumentou, grandes empresas abriram centros de remessas na cidade, consequentemente isso fortaleceu a economia da mesma. 

Em relação ao clima, as temperaturas variam muito ao longo do ano. A maior temperatura já registrada na cidade foi de 38,7ºC e a menor foi de -10,7ºC. A média anual é de 19,1ºC. 

Lavender Town - A Cidade Nobre


A Lavender Town é situada na região nordeste de Kanto. Os moradores afirmam que ela é conhecida principalmente por avistamentos de fantasmas na Torre dos Pokémon e por ser o maior túmulo de Pokémon, já que a cidade foi construída em cima de um cemitério. Segundo crenças locais, os fantasmas da torre são espíritos de Pokémon mortos. 

Nas gerações mais avançadas, a cidade é modernizada e ganha uma estação de transmissão. 

Torre Pokémon 

A torre é um cemitério de sete andares que possui centenas de túmulos em todos os pavimentos. 

Muitas pessoas visitam o prédio diariamente para visitar o monstrinho que acabou o deixando. 

Os cinco últimos andares são os mais perigosos, pois a chance de você ser atacado por um Pokémon selvagem é alta. O local é populado por Channelers. Segundo lendas, os fantasmas do local provêm de Pokémon mortos pela Team Rocket. 

Além de inúmeros fantasmas, na torre você pode encontrar Cubone. O pequeno monstrinho vive lá, pois ainda sente a presença da mãe morta pela Team Rocket. 

Torre de Rádio

A modernização da cidade custou todo o folclore da mesma. Transformaram o cemitério em uma estação de transmissão. Os túmulos foram transferidos para a Casa das Memórias ou para o subsolo. 

A Rádio Tower transmite programas de música e rádio, incluindo o canal Poké Flute, para as rádios e Pokégear de Kanto. 

Depois que a energia é restaurada arrumando o gerador na Central de energia de Kanto, os treinadores recebem o EXPn do gerente da torre, permitindo sincronizar o Pokégear com o canal Poké Flute, com isso o treinador não precisa mais do item para mover o Snorlax. 

Casa de Voluntários de Lavander


Localizada no centro da cidade, a casa foi criada pelo Sr Fuji para cuidar de Pokémon abandonados e órfãos. Muitos Pokémon vivem na casa desde o ataque da Team Rocket. 

A maior preocupação do Sr Fuji era um Cubone, recém nascido e órfão. O senhorzinho adotou o Pokémon e o tratou como um filho. 

Apesar de um lugar público, a casa também é o lar do Sr Fuji, que dedica 100% do seu tempo ao local. 

Name Rater

Localizada na extremidade sul da cidade, o ''Name Rater'' permite que você altere o nome do seu Pokémon. Caso você seja o primeiro dono dele, você conseguirá mudar sem muitas burocracias, caso você tenha recebido o Pokémon por terceiros você não conseguirá mudar, a menos que o antigo treinador do monstrinho tenha uma ID igual a sua. 

A Casa das Memórias 


A casa, popularmente chamada de ''Casa das Almas'', é uma construção localizada no lado sudeste da cidade. Ela foi criada com o objetivo de armazenar os túmulos dos Pokémon que seriam retirados da torre. Existem várias salas nessa casa, porém apenas o Sr. Fuji pode acessa-las. Não há batalhas e nem Pokémon selvagem no local. 

Vocês devem ter reparado na presença do Sr Fuji nas citações acima. Há, no mundo Pokemon, uma história muito triste envolvendo ele e um pequeno Cubone. Vamos entender isso aí! 

A história de Cubone

Em um belo dia, em um lindo campo, Cubone e sua mãe Marowak passeavam calmamente aproveitando o dia, porém a felicidade dos dois não duraria muito tempo. Nesse mesmo dia, capangas da Team Rocket receberam uma ordem para capturar Pokémon no local e foi assim que avistaram Cubone e sua mãe, além de diversos outros Pokémon. 

Ao avistarem os membros da equipe vilã, os monstrinhos pressentiram o perigo e bateram em retirada, porém Cubone foi o único Pokémon que não conseguiu fugir e acabou sendo cercado pelo trio da Team Rocket. 

Completamente perdido e sem esperanças, Cubone foi salvo pela sua mãe, que percebeu que seu bebê tinha ficado para trás e voltou para salvá-lo. Sabendo da situação completamente adversa e que não poderia vencer os vilões, ela pediu para que se bebê corresse do local e fosse para um lugar seguro. 


Desolado e triste pela perda da sua mãe, Cubone se encontrava chorando ao pé de uma árvore até que foi encontrado pelo Sr. Fuji. No inicio Cubone queria se mostrar forte, porém, ao sentir o afeto do velhinho, desabou em lágrimas. O pequeno Pokémon acabou sendo adotado pelo Sr. Fuji e ganhou um lar. Cubone passou a conviver com pessoas diariamente, porém não conseguia confiar em nenhuma delas, apenas no Sr. Fuji. 



Depois de morta, o espirito da mãe ficou vagando pelo mundo em busca de se despedir do seu pequeno filhote e acabou parando na Torre de Lavender. Dias depois, durante o sequestro do Sr. Fuji pela Team Rocket, o Pokémon acabou indo para a torre, onde o seu treinador era mantido refém e no local acabou encontrando o espirito da sua amada mãe e, finalmente, depois de ver que seu filhote estava bem, pode descansar em paz. 
Música demoníaca

Além dessa história citada acima, outro fato bizarro cerca essa cidade. No início da franquia Pokémon, lá nos primeiros jogos de portátil, centenas de crianças foram internadas depois de jogarem Pokémon. Algum tempo depois descobriram que elas tinha sido neurologicamente afetadas pela música da cidade de Lavender. Ao chegarem no local a trilha sonora causou fortes dores nos ouvidos além de deixar as crianças sem sanidade, o que resultou no suicídio de muitas. Abaixo vou deixar o vídeo referente à música tema da cidade, abram por conta e risco! Vocês foram avisados!

 


Chegamos ao final desse ''Especial de Halloween: Lavender Town''. E aí, o que acharam de conhecer um pouco mais sobre uma cidade do mundo Pokemon? 

Referencias: Bulbapedia, Geração Power Up, Pokémon Origins e Arkade

Um comentário:

  1. Buba Mexicano30/10/2017 15:51

    É uma das cidades que tem das melhores histórias em Pokémon. Principalmente a parte real sobre a música das versões de GameBoy! Joguei muito aos 12 anos isso no meu GB Pocket e essa música sempre impressionou, até hoje impressiona! Muito bom!

    ResponderExcluir

Seu comentário será publicado após ser aprovado pela moderação.
Agradecemos a sua participação!