logo

Pokémothim

Hacker restaura Pokémon que não está presente em Pokémon Sword e Shield


A ausência da National Pokédex em Pokémon Sword e Shield é uma das polêmicas que os primeiros jogos da 8ª geração colecionou. Porém, ainda assim, um hacker do Project Pokémon, o usuário @SciresM, conseguiu driblar a limitação imposta pela Game Freak ao importar um Omastar para o jogo a partir da edição de um Yamper. Omastar não está listado na Pokédex de Galar e, por conseguinte, não é encontrado nos jogos.

O modelo utilizado na importação foi o do Omastar em Pokémon Let's Go Pikachu e Let's Go Eevee. Segundo o hacker, embora todas as suas estatísticas e moveset eram originalmente de um Yamper, Omastar foi capaz de completar uma batalha sem apresentar dificuldades.

O processo de importação levou cerca de uma hora; entretanto, para que o Pokémon hackeado seja equivalente aos "legítimos" do jogo, ou seja, com o seu próprio moveset e demais características, haveria necessidade de um tempo muito maior, inclusive para criar animações que Pokémon Sword & Shield trouxe.

Fonte(s): Polygon e NintendoSoup
Sobre Eru
20 anos. Editor de notícias na Pokémothim, conheceu Pokémon em 2008 através do infantil TV Kids da Rede TV. Para ser chamado ainda mais de "criança", adora os Super Sentai, e gostaria de aprender japonês no futuro.
Email: contato@pokemothim.net

Comentários

Nós da Pokémothim, gostaríamos de agradecer os comentários/sugestões feitos e dizer que eles nos ajudam a melhorar significativamente a qualidade do nosso trabalho, sem falar que é a melhor forma de contato que temos com você.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será publicado após ser aprovado pela moderação.
Agradecemos a sua participação!

A Pokémothim com a sua cara!

Personalize do seu jeito!

Temas

Padrão

Fechar