logo

Pokémothim

Artigo - Pokémon Club: A história da revista oficial Pokémon do Brasil


O ano era 1999 e o Brasil estava sendo alvo de uma doença que se espalhou pelo mundo, a Pokéfebre.

No dia 10 de maio estreou na TV Record o primeiro episódio de Pokémon. O desenho foi exibido de segunda a sexta nas manhãs da Record no programa da Eliana. Com o sucesso absoluto, atingindo incríveis 13 pontos de audiência, o país foi inundado por produtos da franquia de monstrinhos de bolso, mas um deles se destacou entre todos, essa é a história da Pokémon Club, a revista oficial de Pokémon no Brasil.


Capa da primeira edição da Pokémon Club

A Pokémon Club foi uma revista oficial que estava nas bancas de forma quinzenal publicada pela Conrad Editora, consagrada por suas revistas do ramo de cultura pop. Sua primeira edição saiu em agosto de 1999 e continha passatempos, curiosidades e um quadrinho que narrava o primeiro episódio (quadrinho retirado das páginas da revista americana Nintendo Power).

O projeto editorial da revista é creditado a Marcelo Del Greco, um nome de peso que na época já tinha passado pela icônica revista Herói, ainda na época que a Conrad se chamava ACME, e atualmente comanda a parte de mangás da JBC como gerente de conteúdo, e Erica Mizutani, atualmente artista plástica, ficou responsável pela parte gráfica.

Erica Mizutani e Marcelo Del Greco

Só de ter o nome Pokémon a revista já venderia, mas o primoroso trabalho que Marcelo e Erica deram um toque surpreendente. Foi tudo minimamente escolhido a dedo, desde as manchetes até as cores da capa para fazer com que mesmo que você tivesse passando de carro em alta velocidade você conseguiria enxergar a revista dentro da banca.

As primeiras edições da Pokémon Club venderam mais de 300 mil exemplares e por causa desse sucesso absurdo a Shueisha, famosa editora japonesa conhecida por publicar diversos mangás e licenciá-los pelo mundo, liberou para a Conrad Editora a licença para publicar Cavaleiros do Zodíaco e Dragon Ball.

Fazer a revista não era fácil. Como se tratava de uma revista oficial, os editores eram obrigados a seguir o style guide da franquia e uma linha de aprovações. Muitas vezes mudanças eram solicitadas. Como o Pikachu com queixo da primeira edição que não poderia mais ser usado nas demais e o tom de amarelo do rato elétrico. Depois do material feito a Conrad o enviava para ser aprovado pela Exim (licenciante) que por sua vez enviava o material para ser aprovado pela Nintendo of America que por sua vez enviava para a Nintendo of Japan.

Capa da Pokémon Club Evolution Nº34

Na edição 33 foi uma surpresa chegar à banca e ver a triste edição da Pokémon Club, mas ainda não era o fim da revista. Como o público da revista estava crescendo e cada vez mais interessado nos jogos da franquia, houve uma decisão editorial para mudar o nome da revista para Pokémon Club Evolution.

Foi no comando do Eric Araki como editor que a revista deu um passo à frente e organizou o primeiro campeonato brasileiro de Pokémon, o Desafio a elite dos 4. Sediado no evento Animecon de 2001 o campeonato se tratava de um torneio onde os melhores poderiam enfrentar a elite composta por Eric Araki, Kazumi, Juliana Fernandes, Claudia Chikorita e o campeão Robson. Nos anos seguintes o torneio se expandiu para uma liga com torneios mensais que distribuía prêmios pelo Brasil todo e culminava no torneio final que era o Desafio a elite dos 4. Era fácil ver na revista matérias com os membros da liga que se destacavam. 

Os membros da elite no Desafio a elite dos 4 na Animecon 2001

Como nada dura para sempre a Pokémon Club também não duraria, e foi incumbido a Ricardo Cruz a missão de liderar a revista no final de sua vida. Em entrevista, Eric Araki diz que a dificuldade de manter o hype vivo com a saída da Nintendo do Brasil aliado ao fato de a animação não estar mais passando em canal aberto acarretou na diminuição do consumo da revista.

A última edição da revista saiu em julho de 2003 e foi uma edição de comemoração de todo o trabalho feito pela Pokémon Club e Pokémon Club Evolution mostrando todas as capas e marcos da revista.

Capa da última edição da Pokémon Club Evolution

Mas não era o fim de conteúdo focado em Pokémon nas bancas. Na revista final foi anunciado que agora na revista Nintendo World teria uma sessão dedicada aos Pokémon chamada Pokémon World que traria as mais quentes novidades da franquia e continuaria o incrível trabalho de divulgar e cobrir a Liga Oficial Pokémon.

Sobre Augusto
29 anos, Iguaba Grande - RJ. Fã, colecionador, jogador e estudioso do mundo Pokémon desde 1999, quando a Pokéfebre assolou o Brasil e o Mundo. Acompanho todas as novidades da franquia de forma hardcore.
Redes: Twitter | Twitch

5 comentários:

  1. Johnny Edwin Da Cunha Cruz27/12/2020 16:28

    Era uma excelente revista. A que eu mais gostei foi a edição 15.

    ResponderExcluir
  2. Saudades. Eu tive todas. Infelizmente pegaram bolor....

    ResponderExcluir
  3. Shiro the gamer 🎮28/12/2020 15:33

    Ótima matéria! Queria ter tido as revistas da Pokémon Club...

    ResponderExcluir
  4. onde estas o ep???

    ResponderExcluir
  5. O editor da matéria é quase um vizinho meu kkkkk sou de cabo frio, ótima matéria, me fez voltar uns 20 anos no tempo, inclusive eu era colecionador assíduo do número 15 (com o pidgeoto e o pikachu na capa) até a última ediçao ( que aliás não aceitei seu fim, pois eles estavam prometendo um poster com os 386 pkm kkkk) vlw pelopost, grande abrço de cabo frio

    ResponderExcluir

Seu comentário será publicado após ser aprovado pela moderação.
Agradecemos a sua participação!

A Pokémothim com a sua cara!

Personalize do seu jeito!

Temas

Padrão

Fechar