logo

Pokémothim

Pocket Monsters: Pichu Evoluiu por Tristeza?


Olá, Thunders!

Para iniciar as análises sobre o anime Pocket Monsters, serão trazidas discussões sobre temas muito debatidos a respeito de cada episódio. Então, que se inicie pelo primeiro.


RESUMO

O episódio funcionou como um grande presente para os fãs, pois, ao mesmo tempo em que mostrou como o Go e a Koharu conheceram o Mew ainda quando crianças, revelou a origem do Pikachu do Ash.

De forma resumida, um pequeno Pichu vivia em uma floresta, mas, enquanto via muitos Pokémon em conjunto, estava sozinho. Provavelmente por a sua espécie ser mais comum em Johto, não havia mais nenhum Pichu com ele. A partir daí, acabou por conhecer um Kangaskhan que o adotou como filhote, o que o fez ganhar uma mãe e um irmãozinho.

Com o passar do tempo, Pichu e o bebê Kangaskhan foram crescendo, o que começou a dar trabalho para a mãe, que já não conseguia mais acompanhar direito os outros da espécie e ficava mais cansada por precisar carregar dois filhotes, além de também necessitar alimentá-los. Por isso, Pichu decidiu fugir, enquanto a sua "mãe" dormia e, nesse processo, evoluiu para Pikachu. Após isso, o seu caminho se cruzou com o do jovem Ash. 


DEBATE

A primeira grande questão levantada foi porque o Pichu fugiu. A resposta é simples, isso ocorreu porque ele notou atrapalhar, de certa forma, a vida do Kangaskhan, que era acostumado a cuidar de apenas um filhote, mas começou a cansar mais cuidando de dois. Por querer o bem de quem o fez bem, decidiu fugir enquanto a "mãe" dormia.

A segunda é justamente o motivo de ele ter fugido sem se despedir. A intenção era essa, não se despedir, pois Kangaskhan não deixaria que Pichu partisse devido ao seu instinto materno, que o fazia querer sempre proteger o filhote.

Por fim, muito se debateu sobre o Pichu ter evoluído por tristeza, sobretudo por ter fugido e chorado na cena. Mas, não foi por tristeza, seguiu exatamente como sempre foi, por felicidade. Ao recordar de todas as boas lembranças e pensar o quanto a sua ausência iria fazer bem para Kangaskhan, o pequeno roedor ficou feliz o suficiente para alcançar o estágio de Pikachu. 

Ainda teve o caso de não terem mostrado a captura do Pikachu por parte do Professor Carvalho. Particularmente, também queria ver essa cena, mas pode ter sido, simplesmente, por ser algo muito básico. O professor o encontrou e jogou a Pokébola, simples assim, por isso preferiram gastar o tempo do episódio com outros acontecimentos.


CONCLUSÃO 

Então, não, o Pichu não evoluiu por tristeza! Ele fugiu do Kangaskhan para não dar trabalho, não se despediu para não ter a fuga interrompida e virou Pikachu por lembrar das lembranças felizes. Sendo assim, seguiu o método original da franquia, ou seja, nada de incoerente.

Espero que tudo tenha sido esclarecido, e gostaria de pedir que não depreciassem as pessoas que não entenderam de primeira e ficaram com a dúvida. Não ter entendido rapidamente não fez ninguém ser menos inteligente, por isso, respeito! 


Leia Também:
Sobre Ersj
19 anos, Recife-PE, tem Pokémon como a sua franquia preferida desde os 7 anos. Sua mídia favorita é o anime, seguida dos jogos da saga principal e de Pokémon Go. Ama livros e séries, principalmente de fantasia; os filmes que mais assiste são animações, e “Imagine Dragons” é a banda pela qual tem maior apreço. Seu Pokémon predileto é o Pikachu e seu maior sonho é se tornar um escritor.
E-mail: ersj@pokemothim.net

Comentários

Nós da Pokémothim, gostaríamos de agradecer os comentários/sugestões feitos e dizer que eles nos ajudam a melhorar significativamente a qualidade do nosso trabalho, sem falar que é a melhor forma de contato que temos com você.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será publicado após ser aprovado pela moderação.
Agradecemos a sua participação!

A Pokémothim com a sua cara!

Personalize do seu jeito!

Temas

Padrão

Fechar