logo

Pokémothim

Ash Conquistou o Seu Sonho?


Olá, Thunders!

Agora que Ash se tornou o novo Campeão Mundial, ou Monarca (como foi traduzido aqui no "Ocidente"), muitos acreditam que ele realizou o seu sonho. Com as teorias de que o anime do garoto está se encerrando, a hipótese apenas aparenta se confirmar. Convido-lhes a acompanhar a matéria e acabar de vez com essa dúvida!

Desde o primeiro episódio, quando saiu de casa, Ash Ketchum iniciou sua jornada para realizar o sonho de se tornar um Mestre Pokémon. Nunca foi dada uma explicação objetiva do que seria isso ou dos critérios para se conseguir o título, mas inúmeras menções e teorias existem na franquia para indicar o quão perto ou longe o herói está de concluir sua jornada. É justamente com base nesses pequenos indícios que será analisada a conclusão ou não do sonho do jovem herói de Pallet.

Nos jogos das duas primeiras gerações, o Campeão e Elite 4 Lance dá a entender que ser um Mestre Pokémon é o mesmo que ser um Campeão. Enquanto isso, o "Manual Oficial do Pokémon", lançado em 1999, afirmou que todos os membros da Elite 4 são Mestres – algo que a nomeação de Prima como Mestre Pokémon no guia "Extreme Pokémon" e a do próprio Lance pela fala da personagem Marina no anime confirma – além de definir que um treinador que derrota ou captura Mewtwo também merece o título. Inclusive, sobre o lendário, ele se autointitula o maior Mestre Pokémon nos eventos do primeiro filme. Também é válido citar que no "Charizard, Go!", sexto livro da adaptação da série Original por Tracey West, é apontado que, para ganhar o título, é preciso ter um Pokémon de cada tipo e se tornar um membro da Liga Pokémon.

Seja como for, todas essas colocações se mostram insuficientes, uma vez que, no episódio "Lembranças São Feitas de Alegria!" da série Diamante & Pérola, Ash diz que se tornar um Campeão como Cynthia é apenas um passo para ser um Mestre Pokémon. Prova disso é que, quando se torna Campeão de Alola, o garoto ainda nem se considera e nem é considerado um. E isso não se resume ao posto de Campeão Regional, pois, no episódio "A Batalha para Ser o Melhor!", da atual série Jornadas, Ash conta a Goh que derrotar Leon e se tornar o Monarca do Campeonato da Coroação Mundial também é apenas um passo para se tornar um Mestre Pokémon. Isso não se trata da competição em si, porque em "Não Desistirei de Mew!", o herói diz a Cloe e Goh que ser um Mestre é muito mais do que ser o treinador mais forte do mundo. Em entrevista recente, a própria Rica Matsumoto, voz original do Ash, afirmou que ser o mais forte e ser um Mestre são coisas distintas.

Ainda existem os Treinadores Mestres dos jogos Pokémon Let's Go, Pikachu! & Let's Go, Eevee!, cada um especializado em uma espécie específica de Pokémon. Já em Pokémon Masters EX é dito que todos os treinadores que vão a Pasio para competir na Pokémon Masters League podem ser considerados Mestres Pokémon. Nesse último caso, acho que utilizar da nomeação de Mestre só foi para efeito de marketing, enquanto o primeiro não acho que faz sentido para o sonho de Ash, seria um outro tipo de ser um Mestre, um de determinada espécie, assim como existe de um determinado tipo, a exemplo da Iris que quer ser Mestra de Dragões.

Um vídeo promocional lançado nos Estados Unidos no verão de 1998 chegou a declarar que uma das tarefas para se tornar um Mestre Pokémon era capturar todos os Pokémon. Para a época, acredito ser verdade. Durante os eventos da série Original, especialmente durante a primeira e segunda temporada, Ash se empenhava muito em fazer novas capturas, chegando a querer competir com Gary, que sempre tinha bem mais Pokémon de espécies diferentes em relação a ele. Contudo, com o passar do tempo, de acordo com a menor ambição do protagonista por capturas, esse deixou de ser um critério para o cânone da animação.

Talvez a melhor das explicações que realmente se encaixe foi a dada na série de mangá "As Aventuras Elétricas de Pikachu", baseada no anime e feita por Toshihiro Ono. Lá, um Mestre Pokémon é um treinador de elite, considerado um profissional e que participa regularmente das competições da Liga Pokémon. Se tem uma coisa que Ash gosta de fazer é participar de liga, enquanto seu reconhecimento tem surgindo desde o fim da série Sol & Lua, mas está absurdamente maior agora em Jornadas. No entanto, não acho que, além de ser o treinador mais forte, os outros passos são apenas ser reconhecido e participar das ligas. Até porque, se for somente isso (não que seja qualquer coisa), o garoto saberia que, indiretamente, ao ocupar o cargo de Leon de grande Monarca, seria muito reconhecido, e participar de ligas é algo que já faz. 

Por fim, é interessante citar duas entrevistas, uma de 2008 com Masamitsu Hidaka – diretor do anime até o arco da Batalha da Fronteira e artista de storyboard até a série Preto & Branco – e outra de 2020 com Daiki Tomiyasu – diretor geral de Pokémon Jornadas. Enquanto na primeira foi dito que quando Ash se tornasse um Mestre Pokémon o anime acabaria, o que vai de encontro com as teorias do fim do anime que pairam no ar dos fãs; a segunda revela que o diretor e supervisor da animação, Kunihiko Yuyama, disse que o título era apenas o "Sonho bobo de uma criança. Algo para idolatrar". Assim, mesmo nas tentativas de se conseguir algo mais concreto com fontes confiáveis, não passam de respostas vagas.


A questão é que, de acordo com as palavras do próprio Ash, exceto se na trajetória até a derrota de Leon ele tivesse conseguido alcançar os outros passos que só Arceus sabe quais são, vencer o Campeonato da Coroação Mundial não fez dele um Mestre Pokémon. E, a julgar pelo que foi dito por sua voz original, o herói ainda precisa atingir outros critérios, pois não basta ser o mais forte para ser o Mestre que tanto almeja. Portanto, o anime não pode (ou melhor, não deveria poder) finalizar as aventuras do protagonista sem que coloque um fim no objetivo que nos foi apresentado lá no primeiro episódio.


Leiam Também:
Sobre Ersj
anos, Recife-PE, tem Pokémon como a sua franquia preferida desde os 7 anos. Sua mídia favorita é o anime, seguida dos jogos da saga principal e de Pokémon Go. Ama livros e séries, principalmente de fantasia; os filmes que mais assiste são animações, e “Imagine Dragons” é a banda pela qual tem maior apreço. Seu Pokémon predileto é o Pikachu e seu maior sonho é se tornar um escritor.
E-mail: ersj@pokemothim.net

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será publicado após ser aprovado pela moderação.
Agradecemos a sua participação!

A Pokémothim com a sua cara!

Personalize do seu jeito!

Temas

Padrão

Fechar